Přeskočit na obsah

Brazil 2023

O barítono e pianista Martin Vydra

Com tão somente nove anos de idade, Martin Vydra já praticava canto sob a orientação de Jiřina Marková-Kristlíková, e também na Ópera Infantil de Praga. Durante seus estudos no Conservatório (Academia de Música) de Praga, ele participou do coro da Orquestra Filarmônica daquela capital. Além disso, tanto na República Tcheca quanto em outros países, realizou projetos musicais com o grupo Martinu Voices, sob a  direção de Lukas Vasilek. Nos anos 2015-2017, estudou canto na Faculdade Musical JAMU em Brno. Também se apresentou no Teatro Nacional de Praga nos programas ”Opera nás baví“(Gostamos de ópera), além de outros eventos, como, por exemplo, os Madrigalistas de Praga, com o conjunto barroco alemão Hoffkapele Schloss Seehaus e com o grupo barroco Victoria. Igualmente atuou no Estúdio de Ópera de Praga sob a direҫão da sra. Jiřina Marková-Krystlíková. Participou de aulas de mestrado na Academia de Música Norueguesa de Oslo, e atualmente colabora com o  cravista e tenor alemão Johannes Weiss, além de já ter se apresentado várias vezes no Japão e no Brasil. Em 2022, ele se apresentará pela primeira vez para o público norte-americano. E tem trabalhado muito em prol de sua carreira. Na sua carreira como concertista, tem se especializado no período barroco, bem como no repertório de canҫões da época do classicismo e romantismo. Ao mesmo tempo, toca piano profissionalmente, em concertos e também particularmente, quando acompanha a si próprio e seus colegas. Trata-se de um notável talento tcheco e também da face artística que a cidade de Nepomuk, o berço natal do Mártir da Confissão, apresentará por ocasião da celebração anual da beatificação (2021) e da canonização (2029) de São João Nepomuceno.

Organista Robson Bessa

É Pós-Doutorando no PPGMUS-UFMG, PNPD com bolsa da Capes, e Doutor em Teoria da literatura e literatura comparada pela Fale-UFMG/ Universitá Orientale di Napoli, Mestre em Musicologia pela Esmu-UFMG, e é também especialista em Cravo pela Université de Montréal (Canadá).
È organista em Tiradentes desde 2019, fundador do Festival Barroco de Tiradentes e do OpemG-Ópera Barroca MG e do MUSICA FIGURATA.
É professor de cravo e baixo contínuo, e Música de Câmara na Pós-graduação e na graduação da Escola de Música da UFMG, assim como professor da disciplina musica poética e Musica Rhetorica.
Realizou inúmeros concertos como organista, cravista, e fortepianista na França, na Itália, em Portugal, no Canadá, no Paraguai e no Brasil, e principalmente no órgão histórico Simão Fernandes Coutinho em Tiradentes.